Últimas

Uma ida ao mercado

A Xinha é para mim muito do que vejo no povo santomense, é apenas uma das histórias que me fez perceber a grandeza do potencial destas pessoas com quem vivo diariamente.

RTP (Relatório Trimestral de Plenitude)

Por isso, por estes momentos, por estas pessoas, seja qual for o relatório, seja o que for que estamos a contar ou a medir, não consigo deixar de achar que a grande beneficiária serei sempre eu.

Horácio Luís, vulgo, Conci

Um dos representantes da sua comunidade no Grupo Comunitário, tem uma presença forte, coerente, tem um olhar crítico sobre as coisas, é justo, inteligente, e tem uma capacidade de memorizar os números, as pessoas, as situações e conversas,

E assim se cumpre um sonho

Neste lugar onde sou feliz, aquilo que mais me alegra e preenche são as pessoas. As crianças que correm ao nosso encontro e nos saúdam com uma verdade que se encontra especialmente nelas. Este modo de ser e esta espontaneidade encantam-me!

JACA, JACA, JACA…

Estar em missão também tem muitas coisas que se colam e agarram a nós… algumas desafiantes, como o chegar às pessoas, o comprometimento nas atividades, e outras muito boas, como os sorrisos, os olhares curiosos.

Chegada a Benguela: as primeiras impressões

Finalmente cheguei a Benguela, comecei a minha missão e continuei a missão do Gonçalo com o Espaço Criança. Com um tempo de passagem curto mas que deu para perceber o que é essencial fazer para continuar este projeto.

Montanha russa de sentimentos

Passado um mês e meio de chegar a São Tomé o misto de sentimentos não podia ser maior. Ainda no avião a expectativa era enorme. Como será o país? O clima? As pessoas? A cultura? Os hábitos? As tradições?

As alegrias de quem vive em missão

Quando soube que ia partir em missão e nos momentos importantes que se seguiram sentia uma alegria tão grande, nunca antes sentida e vivida que pensava: “tanta alegria só pode vir de Deus!”.

Pequenas mudanças que transformam o mundo

Por vezes, trabalhar num país como Moçambique faz-me sentir como se estivesse a tentar esvaziar um oceano com um conta-gotas. Requer paciência, entre muitas outras coisas. Hoje, ainda sinto muitas vezes o mesmo.