O desenvolvimento
é o envolvimento de todos

Os Leigos para o Desenvolvimento são uma ONGD católica, que trabalha há mais de 30 anos em prol do desenvolvimento integral e integrado em países de expressão portuguesa, com vista à capacitação e autonomização de pessoas e comunidades. Atuamos preferencialmente através de voluntários missionários qualificados e beneficiam dos nossos projetos mais de 50.000 pessoas/ano e de 150 organizações locais por ano. Atualmente contamos com projetos em Angola, Moçambique, Portugal e São Tomé e Príncipe.

Notícias

Arraial “Santos no Bairro” na Caparica-Pragal

Foi um espaço para ouvir boa música, dançar, houve um convívio intergeracional e intercultural, onde reinou a boa disposição e alegria. Segundo várias pessoas, que participaram neste arraial, era algo que o território precisava há algum tem

Prof. Rogério Roque Amaro visita Benguela

Na agenda estava um novo acompanhamento ao Grupo Comunitário do Bairro da Graça, a realização da formação “Grupos Comunitários” e a apresentação do livro de sua autoria “Manual de práticas e métodos sobre Grupos Comunitários”.

Pessoas apoiadas/ano

Voluntários locais

Negócios apoiados

Pessoas em ações de formação

Aceitando a corrente

Sabem quando vemos um pintor a pintar? Vemos traços aleatórios que só o pintor sabe o seu motivo e no final de tudo, passado o caos de traços desconcertantes, vemos toda a beleza que a sua união constrói.

Os “Outros”

Em missão aparecem“outros, a comunidade local, os que fazem parte da paróquia, os que pertencem aos nossos projetos e todos aqueles que se vão tornando nossos amigos, com quem vamos partilhando o nosso dia-a-dia, o nosso quotidiano.

“Estrela “da Boa Morte

A Estela tem 6 anos. Mora mesmo lá ao lado e um dia apercebeu-se da nossa presença. Entrou na reunião devagarinho, quase sem ser notada, e ficou lá a ouvir, sossegada, os assuntos dos crescidos.

Finalmente vamos mudar!

A obra do Espaço Criança ainda não está totalmente concluída, falta a instalação elétrica, arranjar um guarda para maior segurança e assim se colocarem as janelas e portas, mas o novo espaço já oferece melhores condições do que o antigo.

A Cultura na Roça

Tenho dedicado algum do meu tempo com o Grupo “Cultura mé sulu”, grupo responsável por dinamizar o Centro Cultural Comunitário de Porto Alegre, a ajudar a comunidade a dar mais valor aos seus costumes, a perceber os seus hábitos.

8 Meses de inspiração

Sim, porque os atores principais dos projetos são as pessoas que se entregam, com toda a vontade, e querem aprender e fazer mais, pelas suas vidas e das suas famílias!

As minhas mamãs e a minha Xará*

Queremos dar às formadas a possibilidade de se conhecerem melhor, aprenderem em conjunto num espírito de partilha de conhecimentos, contribuindo direta e indiretamente para a melhoria das suas vidas.

“Deus quer, o homem sonho, a obra nasce”

Para fazer caminho é preciso partir, deixar algumas coisas para trás, mas também ir dando passos até chegar ao sítio. Eu cheguei a uma terra onde o Cristo que é Rei me acolhe de braços abertos!

Divina

A verdade é que ninguém fica indiferente à personalidade da Divina, seja do Bairro da Graça, seja dos Leigos para o Desenvolvimento ou qualquer pessoa que nos venha visitar.

“Ser só mais um do vosso grupo”*

O estar em Igreja com uma diocese inteira, o rever amigos que eram de todos os cantos da diocese, as aprendizagens, o crescimento, o conhecer novas comunidades, faziam com que tudo valesse a pena.

SER VOLUNTÁRIO
Uma experiência de vida transformadora!

Ao contribuires com o teu tempo, capacidades e conhecimento tens a oportunidade, enquanto voluntário nos Leigos para o Desenvolvimento, para fazer a diferença na vida de muitos, criar impacto positivo e ser uma força significativa para alcançar a paz e o desenvolvimento.

Histórias de vida

Foi uma lição muito aprendida: dar aquilo que você recebe

“Se eu hoje estou a lecionar cadeiras ligadas à irrigação e à química, isso é porque eu fui bem trabalhado pelos Leigos nessas matérias de cálculo, química, física e matemática. Foi porque eles [LD] deram tudo o que tinham para dar…”

Lembro como se fosse hoje

Jairson: “A minha vida mudou muito depois de conhecer os LD.  Consegui concretizar muitos dos meus sonhos com a ajuda do Centro. […] Um dos meus objetivos era fazer o exame nacional, e consegui fazê-lo com sucesso.”