Últimas

Uma educação de conveniência

A educação de conveniência emerge, de facto, como deseducação, o que leva alguns pensadores a proporem, como uma das missões mais nobres e radicais da educação, a luta contra a própria educação

A escola é para aprender (e MUITO mais)

A função da escola é privilegiar o desempenho académico em detrimento de outras dimensões do ser? A escola deve apoiar e promover o desenvolvimento cognitivo, mas também afetivo e emocional, físico, social e cívico, criativo e artístico.

Digo ou não digo?

Há uma tese, diria mesmo, uma resposta objetiva, um critério, para fazer face à pergunta que dá título a esta reflexão. E é esta: sim, digo, se a relação tiver futuro.