Últimas

Os nomes da diferença

Como devemos agir como cristãos face a uma pessoa LGBTI? Devemos fazer como Jesus: sentar-nos com ela para a conhecer, ouvir a sua história, aprender o seu nome — o nome pelo qual Deus a chama. Fazer com que a Igreja seja também a sua casa.

Um pouco de memória

Numa altura em que recrudescem os nacionalismos e extremismos, convém lembrar que a História da Europa é também a da sucessão de sangrentos conflitos. A paz tem sido a excepção. O mundo não começou ontem. É bom lembrá-lo.

Domingo: dia de arriscar e ventilar

Se o sistema político-partidário está desenhado para ser relativamente fechado, será nosso dever apoiar a sua abertura. A forma mais direta, concreta e realisticamente alcançável de contribuir para esse objetivo é votar num partido pequeno.

Bruxelão, coerência e populismos

Contra populismos, a solução é estudar os programas políticos, as problemáticas sociais complexas como imigração ou automatização da indústria, é estudar a história política da Europa. Senão as acusações de populismo são também populistas.