Últimas

A Aparição e o religioso no cinema

Partindo de uma crítica de um filme que esteve recentemente em exibição, Carlos Capucho leva-nos a questionar a importância do religioso na história do cinema. É esta a proposta cultural da Brotéria para este sábado.

É porque vivo que escrevo

Maria Durão começou a compor músicas num grupo de oração, depois juntou-se ao primo Luís e criaram os SIMPLUS. Uma banda que fala de Deus e de fé e que, ao longo dos anos, tem despertado o coração de muitas pessoas para uma sede de Deus.

Ir ao Teatro: A Pior Comédia do Mundo

Hoje a Brotéria oferece-nos a crítica da peça “A Pior Comédia do Mundo”, que nos leva aos bastidores do teatro. Um exercício difícil para o autor, o encenador, para os actores, e também um exercício difícil e divertido para o espectador.

Santidade em destaque no Mensageiro

Nova edição da revista Mensageiro reflete sobre a imagem e ideia de santidade que ainda predomina entre os cristãos e que não corresponde ao seu verdadeiro e amplo sentido.