Sei o que viste no verão passado!

Sei o que viste no verão passado Ai sim? Então deves saber que cacei, finalmente, gambozinos!

Sei o que viste no verão passado

 

Ai sim? Então deves saber que cacei, finalmente, gambozinos!

 

Já sabia que eles andavam por aí e até tinha muita curiosidade de os conhecer, mas não sabia como apanhá-los (principalmente porque não os conhecia). O mais curioso é que os encontrei no mesmo lugar onde tenho descoberto as coisas mais maravilhosas da minha vida: num campo de férias.

 

Quando aceitei o convite, não sabia o que ia ver e achei desde o início que devia deixar-me surpreender. E que surpresa! O que vi foi uma família feita de amigos que quer crescer pacientemente num ritmo comum, mas respeitando até às últimas consequências o ritmo de cada um. Vi nesta família uma capacidade de acolhimento ímpar! Vi também que os gambozinos não estão à procura da diferença, ainda que a encontrem e que saibam cuidar muito bem dela.

 

Fiquei especialmente a pensar que nos gambozinos o animador não é como um “irmão mais velho” que espreita curioso a vida do mais novo, dá conselhos de vida e ajuda a fazer caminho com respostas, mas é o “irmão mais novo” que observa deslumbrado e preocupado a vida dos outros irmãos e que ajuda a fazer caminho com perguntas.

 

Sei o que vi no verão passado: afinal eu é que fui caçado pelos gambozinos. Ainda bem!

João Melo

animador