Últimas

Humor, fé e liberdade

Há quem diga que há limites na liberdade. Que tudo não pode ser possível. Pois, mesmo que custe, sim, tudo é possível. Inclusive no humor. O humorista pode gozar de tudo e sobre tudo, até mesmo de Deus. Outra questão é a da conveniência.

Bento XVI e o exemplo de Gedeão

A história bíblica de Gedeão ilustra o perigo dos “prolongamentos” indesejados. Não estará o Papa (emérito) Bento XVI a ceder perigosamente a uma tal dinâmica? A propósito do seu mais recente livro, em coautoria com o Cardeal Robert Sarah.

Feliz mundo novo

O poder não admite vazios e pede protagonistas. O bruááá inorgânico das redes e das ruas cria novos líderes, que dão voz à revolta em horário nobre, a amplificam, a alimentam e se alimentam dela.

A Epifania num acorde

Encerramos o tempo de Natal com uma proposta musical. Na Epifania celebramos a manifestação de Deus na pobreza de uma manjedoura, na mais inesperada circunstância, diante de pobres e ricos, de pastores e sábios, de locais e forasteiros.

Ponto(s) de luz(es)  

Ao reforçar a firmeza na condenação dos abusos sexuais, impondo o afastamento dos prevaricadores e a colaboração com a justiça civil, o papa Francisco sela uma doutrina de transparência que pode contagiar outras dimensões da vida eclesial.

Onde param os jovens?

A família e a escola têm de trabalhar lado a lado na educação e na formação cívica. A responsabilidade tem de ser partilhada. Mas não é isso que acontece. Senão veja-se que legitimidade tem um Estado para criticar o insucesso escolar se permite que os seus alunos fiquem sem professores durante meses?