Últimas

Caminhar – a minha epifania

O corpo fraquejava e a cabeça rebentava de perguntas para as quais não tinha resposta.
“Levanta-te e vai caminhar!” encorajou-me um dia uma amiga. “Caminha, caminha sem tempo contado, vais ver que começarás a ver luz ao fundo, acredita!”

Um lugar escuro

O suicídio continua a ser uma das principais causas de morte na adolescência, e continua a haver um silêncio abandonado à sua volta que mais devia ser um grito que rebentasse o céu!

A Linguagem do Amor

O vosso bebé tem uma doença tão grave a que a maioria das crianças não sobrevive depois dos dois anos de idade. Como dizer isto numa língua que não era a minha e acreditar que as palavras eram as certas?