Casa de Esposende já recebeu 37 pessoas

Residência dos jesuítas em Esposende está transformada num espaço de emergência para acolher famílias refugiadas da Ucrânia.

O Challet Viana, conhecido como a Casa de Esposende, foi preparado para receber famílias refugiadas da Ucrânia e já acolheu 37 pessoas que viajaram nos últimos dias numa caravana humanitária que veio da Polónia. Incluindo, na sua maioria, mulheres e crianças, este grupo veio de diversas partes da Ucrânia, alguns de zonas fortemente fustigadas pela guerra, e procura agora em Portugal um porto seguro para retomar a sua vida.

O grupo foi acolhido na semana passada, ao fim de três dias de viagem em autocarro, sendo que alguns foram entretanto encaminhados para casas de familiares e amigos, permanecendo na casa 28 pessoas. Esta casa funcionará como uma resposta de emergência, pelo que outras pessoas entrarão à medida que estas forem saindo e encontrando espaços de maior autonomia e integração na comunidade. Foi sujeita a melhoramentos e a uma intervenção para poder acolher estas famílias.

Esta casa da Companhia de Jesus, residência de férias dos jesuítas e local de muitas atividades da comunidade inaciana, ficará durante uns tempos alocada ao alojamento de refugiados. A sua gestão está a ser feita pela equipa técnica do Centro Comunitário São Cirilo, uma instituição da Companhia que apoia pessoas imigrantes no Porto. Aos fins de semana, a dinamização da casa, nomeadamente com atividades para as crianças, está a ser preparada pela comunidade inaciana do norte.

Para mais informações contactar ucrania@saocirilo.pt ou visitar www.saocirilo.pt
Para apoiar diretamente a Casa de Esposende pode enviar o seu donativo para Centro Comunitário São Cirilo, Montepio
NIB  0036 0407 99106023820 63 |IBAN PT50 0036 0407 99106023820 63